Uma série de artigos do antropólogo Raul Lody, que cruza o Atlântico sem precisar sair da Bahia. Com sutileza e muito conhecimento, Lody nos leva a um passeio culinário que rompe as portas da cozinha.

Através de diferentes pratos e quitutes, muitos do nosso dia-a-dia, a presença nigeriana na culinária tão característica e cultuada que é a baiana vai sendo revelada a partir de suas origens. A Bahia, dos tabuleiros às mesas mais refinadas, sempre com muito sabor e identidade.

As fotos são de Jorge Sabino. Alguns dos artigos foram publicado no Jornal A Tarde da Bahia.

 

Prepare o garfo e a faca e venha mergulhar nesse universo!

Toda terça-feira do mês serão 2 artigos, num total de 8 temas:

(clique no tema e vá direto ao artigo)

Semana 1

Do akará nigeriano ao acarajé baiano

Do pirão brasileiro ao ebá nigeriano

 

Semana 2

Do xinxim nigeriano ao xinxim afro-baiano

Fúrá da Nigéria e o mingau de beber da Bahia

 

Semana 3

Moin-moin uma comida nigeriana ancestral do abará

O amalá nigeriano e o amalá baiano

 

Semana 4

O Ekó ogi da Nigéria e o Acaçá branco da Bahia

Okra soup o ancestral nigeriano do caruru