Tag: Antropologia da Alimentação

Farofa, divina farofa

Está nos nossos hábitos alimentares comer a farinha de mandioca. Farinha pura sobre o feijão, ou misturada com outros ingredientes. Ela é usada tanto para preparos culinários salgados quanto doces. E a partir da farinha surge uma receita que é…

Lançado o livro “Comer com os olhos”

Com “fome de mundo” Raul Lody, pensador da comida e da alimentação lança ‘Comer com os Olhos’, pelo canal da Cepe no YouTube no Brasil e em Portugal.   Seguem abaixo alguns pensamentos e ideias que nortearam a publicação do…

Açucareiro

Os objetos da cozinha e do serviço à mesa têm muitas histórias que se integram aos ingredientes e aos ciclos civilizatórios, como do trigo, do milho, das especiarias do Oriente; e do açúcar, entre outros. E assim, as formas, os…

ONJE FUN-FUN

Comidas brancas de OXALÁ Fotos: Jorge Sabino Curadoria: Raul Lody ARTFOOD 2 Janeiro 2021 Audiovisual: REVISTA RAIZ Fazer ver e consumir a cultura popular brasileira.  

O Ekó Ogi da Nigéria e o Acaçá branco da Bahia

Sem dúvida, são muitas as relações entre o continente africano e as nossas cozinhas regionais, e estas relações estão confirmadas nos usos de ingredientes, técnicas culinárias e, em especial, receitas da alimentação cotidiana e das festas, tanto em âmbito social…

O Menino-Jesus e a geleia de araçá

O brasileiro tem uma longa e complexa relação com o que é sagrado. E, sem dúvida, há um entendimento de sagrado que é múltiplo e diverso, e que mostra as relações de um povo de base cristã, com um catolicismo…

Independentemente destes contextos de pandemia, vê-se que há muito tempo se desenvolve ações de valorização e de promoção das cozinhas regionais nos seus múltiplos processos de multiculturalidade. Também nesta direção, vê-se a afirmação de conceitos, e o reconhecimento de patrimônios…

Quando começo a olhar para esse tema fundamental e recorrente a toda a trajetória humana que é comida, a partir das pinturas rupestres, da descoberta do fogo, das escolhas e interpretações sobre o que a natureza pode oferecer para saciar…

Como sabemos, vamos à mesa para comer, para nos reunir, para nos encontrar, para nos relacionar; para celebrar, para socializar, para marcar diversos rituais sociais. Assim, comer não é apenas se nutrir. Sabemos que a mesa é um lugar importante,…

Voltar ao topo